FAI   DECEA  ANAC
Acesse sua conta
ou cadastre-se
 › 
 › 
ACÍLIO BRAGA DE SOUZA
Histórias de Aeromodelistas › ACÍLIO BRAGA DE SOUZA

Nasci em 10/3/1935 em Bento Ribeiro (RJ) bem perto do Campo dos Affonsos. Com 7 ou 8 anos de idade, meu pai comprava para mim todas as quartas-feiras um fascículos chamado “GIBI”, que na época tinha outras duas publicações semelhantes chamadas “Globo Juvenil Mensal” e “O Tico Tico”. Na última capa do Gibi tinha uma publicação sobre aeromodelismo, escrita por um “Capitão Asas”, que em 1955 fiquei conhecendo pessoalmente, mais tarde saberão como, e eu colecionava todas essas capas e ficava deslumbrado com o ensinamento do aeromodelismo.

Um domingo de sol, minha família foi fazer um pic-nic na Quinta da Boavista, que era um dos melhores passeios para as famílias da época, e lá, olha o que encontrei, uma turma voando seus aeromodelos com motores de elásticos e um deles caiu quase que sobre meus pés. Peguei-o nas mãos e meu encantamento foi ao limite por ver cristalizado aquilo que acompanhava do Capitão Asas no Gibi. Naquela noite não conseguí dormir pensando só no aeromodelo. O Tempo passou, então com 10 anos em 1945, tive uma terrível pneumonia que por pouco me levava para outra dimensão. Nessa época terminou a 2ª Guerra Mundial e era vizinho de casa colada com um Sargento da FEB que estava regressando da guerra, Sargento Moura do Regimento Sampaio, e ele trouxe um medicamento desconhecido chamado “Penicilina” que tinha de ser conservado em geladeira e aplicado de 4 em 4 horas. Não tínhamos geladeira, coisa rara na época, e um vizinho um tanto distante tinha essa também desconhecida utilidade doméstica – Geladeira, e meu pai tinha de buscar de 4 em 4 horas a tal penilicina para o Sargento me aplicar. Então quase no fim de 1945, com meu estado de saúde sem apresentar melhoras, a conselho de um Médico, fui morar com minha Avó em Niterói que morava em frente a praia, para meu tratamento de saúde,, o que se mostrou eficaz, acabando com as Graças de Deus, com minha doença. Minha família também se mudou para Niterói nessa mesma época. Já com 11 anos, éramos clientes de um Dentista que ficava na Rua da Constituição, perto do Campo de Santana, quase esquina da Av. Gomes Freire no Rio de Janeiro. Após minha saída do Dentista, ao esperar um bonde para ir até a Estação das Barcas com destino a Niterói, estava no ponto em frente a uma Papelaria e ao olhar para dentro dela, o que vejo: Um aeromodelo pendurado no teto !!! Quase desmaiei de emoção, então peguei na mão da minha mãe e levei-a ao interior da Papelaria, onde no fundos tinha um balcão com tudo de aeromodelismo, que era atendido por um japonês (Sr.Morimoto), que mais tarde viria a ser a Hobbylandia no centro da Cidade do RJ, na época só planadores e aviões de elásticos.

Minha mãe comprou logo três aeromodelos, u m totalmente de balsa e outros dois para montagem. Não via a hora de chegar em casa e fui logo montando o de balsa e no dia seguinte ele já dava seus primeiros vôos, quase sempre quebrando sua hélice, e meu pai pacientemente esculpia outra com ripas de madeira.

Algum tempo depois montei meu segundo aeromodelo de elástico e levava para voar num campo dentro de um Quartel da Policia Militar que ficava pertinho da minha casa e se chamava “Campo da Força”...creio que ainda existe até hoje. Lá aos domingos, os soldados ficavam entusiasmado com meu aeromodelo que voava muito bem e um dia o perdi completamente sendo levado por uma térmica e se perdeu no fundo da Baía da Guanabara. Construiu outro com o mesmo sucesso, pois tinha aprendido todas suas técnicas com o dito Gibi do Capitão Asas. Não parei mais e alguns anos depois, já com 15 anos, ia voar num Clube chamado “ AFA - Associação Fluminense de Aeromodelismo” que fazia seus vôos num clube conhecido como “Clube dos Ingleses”, cujo nome era” Rio Crickt Club” que ficava em Icarai, Niterói. Lá conheci meus primeiros motores, sendo meu primeiro um motor diesel chamado “WB” que coloquei numa avião de U Control, chamado “Tamanco B” da Aero Bras.

Nessa época tinha umas competições de planadores no Aero Clube do Estado do Rio de Janeiro (Niterói) e participei de algumas delas chegando a ganhar um troféu numa prova.

Alguns anos depois de ter feito o Serviço Militar no Exército, a AFA passou a voar U Control no pateo em frete ao Hangar do Aero Clube cujo vôos eram efetuados somente até as 13 horas, devido ao vento cruzado e pista curta que tornava o vôo muito perigoso no Aero Clube. Também efetuei alguns vôos de U.C. no Aero Clube de Manguinhos no RJ em companhia da “cobra” em acrobacia da época Cesar Gama e de seu discípulo Clovis.

Com 25 anos, com muito sacrifício financeiro, fiz o curso de Piloto Privado lá no Aero Clube de Niterói, e quem era o professor das aulas teóricas ? Nada menos que um Comandante da Aviação Comercial que era o Comandante Armando, o “Capitão Asas” do Gibi da minha i nfância. Em 1959 tirei o Brevet de Piloto Privado e continuei o curso para obter o Brevet de Piloto Comercial com o objetivo de entrar na Aviação Comercial. Um dia num sábado a tarde, quando estávamos voando U.C. no Aero Clube, pousou um helicóptero trazendo o Governador do Estado do Rio, Sr. Roberto Silveira, que ficou um bom tempo vendo nossas exibições de U.C. Ele conversando comigo fazendo uma série de perguntas, aproveitei o ensejo e pedi para que ele construisse um pista U.C. a qual vínhamos batalhndo já alguns anos para vonstruir nossa tão sonhada pista. O Governador me deu um bilhete escrito à mão para que eu procurasse seu Engenheiro Chefe no setor de Obras Públicas e apresentasse nossas revindicações, o que fiz com muita esperança para concretizar nossos sonhos da pista. Fui muito bem atendido e dias depois por sua solicitação, apresentei uma planta da pista, feita por um praticante do U.C. do nosso Clube, Arquiteto Kastrupp, e o Engenheiro dias depois de aprovada nosso pedido já iniciou a construção da pista, chegando alguns caminhões com pedras e areia dando inicio a construção da pista...dias depois....TRAGÉDIA...o helicóptero do Governador caiu em Petrópolis matando todos seus ocupantes. Com a mudança do Governo, O Engenheiro Chefe foi substituído e nossa pista paralisada com aqueles montes de areia e pedras sem qualquer serventia. Tempos depois o Aero Clube também foi interditado e cessou todas atividades aéreas em Niterói. Nesse meio tempo, voava PT19 mo Aero Clube de Nova Iguaçú (RJ) para completar as 200 horas de vôo para a tão almejado Brevet de Piloto Comercial, quando então surgiu um concurso público para o Serviço Público Federal, e após freqüentar por 8 meses um curso preparatório tive a felicidade em ser aprovado e tomei posse dois anos depois, no meu cargo numa repartição em Angra dos Reis, em Dezembro de 1963. Quatro anos depois cosegui minha transferência para Santos, onde fiquei até 1969 e também pedi transferência para Campinas, onde tive contato com a U.C.A. (União Campineira de Aeromodelistas) me associando e praticando vôo de U.C. perto da Escola Preparatória de Cadetes do Exército em Campinas, e concomitantemente conheci um pequeno grupo de praticantes de Radio Control que voava dentro do terreno do Aero Clube de Campinas. Então comprei meu primeiro Radio Controle que era um Kraft proporcional super avançado, o que tinha de melhor na época e contruí meu primeiro aeromodelo RC, que era um Falcon Senior , e tive como instrutor nada menos que o Dr. Ermirio Pereira de Moraes , ao qual sou eternamente grato por suas excelentes lições. Então não parei mais...tive mais de 50 diversos modelos entre aviões, planadores, helicópteros, elétricos e tudo o mais que tem aparecido como novidade nesse meus 71 anos de prática ininterruptas do Aeromodelismo, onde tive a felicidade de conhecer excelentes amigos e ser Presidente da A.F.A.; Juiz Substituto da A.C.A no Aterro do Flamengo (RJ); Diretor da U.C.A., e continuarei a praticar até que o Grande Arquiteto do Universo decida que devo parar!

NOTA: Algumas datas podem não ser corretas por pequenas falhas de memória, sem prejudicar a história.

ACILIO BRAGA DE SOUZA.’. abraga@mpcnet.com.br

NOVIDADE!
Agora você pode baixar o aplicativo da COBRA em seu celular!
NOVIDADE!
Agora você pode baixar o aplicativo da Confederação Brasileira de Aeromodelismo em seu celular!
Dísponivel para iPhone e Android.
Download para ANDROID
Download para
iPhone
BAIXE OS TUTORIAIS
BONÉ AEROMODELISMO COBRA
INFORMATIVO ONLINE
Preencha os dados e fique por dentro de nossas novidades
CADASTRADO COM SUCESSO!
COMPARTILHAR        


Presidente Jonas Dieter Oehlemann e Vice-Presidente Valentin Javier Folgado / CNPJ da COBRA: 42.508.044/0001-77
Endereço: Rua Euclides Xavier de Lima, 105-A, Vila Anita - Limeira/SP - CEP 13484-305
Funcionamento: Segunda à sexta. das 09:00h às 12:00h e das 13:00h as 16:00h
Contato: (19) 99730-7513 / (19) 3446-9813
sites • lojas virtuais • sistemas